Archive for July 5, 2008

Rumor – Full Metal Alchemist The Sequel??

It’s just a rumor, but I hope it’s true! Or, maybe I don’t wanna a sequel. I don’t know. What if it’s really bad?

I don’t see how they gonna make a sequel for FMA. When and where it gonna take place? The main characters will still be Ed and Al?

Anyways, the good news is that Ire Yashuhiro, the director of FMA, would still be interested in directing the sequel.

Guess all we can do is pray for a good sequel with the same director. via Japanator

Português por favor?

É só um rumor, mas eu espero que seja verdade! Ou, talvez eu não queira uma continuação. Eu não sei. E se for ruim?

Não vejo como eles farão uma continuação para FMA. Quando e onde vai acontecer? Os personagens principais ainda serão Ed e Al?

De qualquer meneira, a boa notícia é que Ire Yashuhiro, o diretor de FMA, ainda estaria interessado em dirigir uma continuação.

Acho que tudo o que podemos fazer é rezar por uma boa continuação com o mesmo diretor. via Japanator

Comments (2) »

Juliana Imai

Juliana Imai was born in Brazil. Her father is brazilian and her mom is japanese descendant.

She worked for Dior, Gucci, Dolce&Gabanna, and Vogue Paris. In may of 2007, she was nominated the new angel of Victoria’s Secret, taking the spot that belonged to Gisele Bündchen, a very famous brazilian model.

Unfortunately, many people doesn’t know her yet. And she’s so pretty!

Who ever say that japanese woman can’t be pretty gotta see her. Well, she’s not really japanese, but, you know what I mean.

Português por favor?

Juliana Imai nasceu no Brasil. Seu pai é brasileiro e sua mãe é de descendência japonesa.

Ela já trabalhou para a Dior, Gucci, Dolce&Gabanna, e Vogue Paris. Em maio de 2007, ela foi anunciada como a nova angel da Victoria’s Secret, tomando o lugar que pertencia a Gisele Bündchen.

Infelizmente, muita gente ainda não a conhece. E ela é tão bonita!

Quem disser que as japonesas não podem ser bonitas tem que vê-la. Bem, ela não é japonesa, mas, você entendeu o que eu quero dizer.

Comments (3) »